implementacao-de-projetos-digitais-fique-atento-em-4-erros-que-voce-nao-deve-cometer.jpeg

Implementação de projetos digitais: fique atento em 4 erros que você não deve cometer

A sua empresa está desenvolvendo um novo site, aplicativo ou um software de gestão para otimização do trabalho interno? Se a sua resposta for “sim”, precisa estar atento a tudo que se refere à implementação de projetos digitais.

É necessário que você acompanhe as atividades dos desenvolvedores desses projetos com a finalidade de evitar possíveis erros, que são bastante comuns e que podem representar muito prejuízo ou retrabalho.

Para ajudá-lo a identificar essas falhas, elaboramos uma lista com os 4 erros que você não deve cometer na implementação de projetos digitais. Confira!

1. Não seguir o conceito de design universal

Na atualidade, quando falamos em web ou produtos digitais, é preciso ter em mente o conceito de design universal. Tal noção preza pela atenção a determinados elementos que jamais podem ser esquecidos, como a acessibilidade.

É recomendado que o sistema sempre mostre para o usuário, de forma clara e visível, o que está acontecendo, com as ações tendo um retorno instantâneo. Além disso, as pessoas precisam reconhecer, no produto digital, elementos alusivos ao mundo real — um lápis representando uma ferramenta de escrita, por exemplo.

Esses elementos que compõem o design universal são fundamentais para o sucesso de um produto digital. No caso de não seguir esses princípios, os colaboradores da empresa podem sentir dificuldade ao operar um software, tornando-o inútil.

2. Não adotar um padrão visual em todas as guias do projeto

Um erro bastante grave na implementação de projetos digitais é a não adoção de um padrão visual em todas as suas guias ou páginas. Assim, todas as áreas de um site ou as páginas de um software de gestão precisam seguir uma padronização, para que os usuários não precisem assimilar novamente as funcionalidades.

Se a parte de um software de gestão que dá acesso ao setor financeiro tiver uma interface muito diferente da área dedicada ao controle de estoque, por exemplo, o operário sentirá dificuldade ao migrar de uma tarefa para outra.

3. Não prevenir possíveis erros do usuário

É preciso que os sistemas digitais sejam programados de modo que compreendam quando o usuário possa ter cometido alguma falha. Exemplo disso são as janelas que alertam quando um programa é fechado, perguntando se quem está usando um software realmente deseja sair sem salvar as informações.

Quando não há essa prevenção, dificilmente as falhas humanas serão detectadas e o usuário poderá, por engano, deletar informações importantes ou até mesmo perder horas de trabalho feito.

4. Não realizar testes com os usuários

Por mais que o design e as funções de um projeto digital sejam planejados e bem executados pela equipe de desenvolvedores, isso não significa que os usuários finais tenham a mesma facilidade no uso do sistema.

Por isso, recomenda-se sempre a realização de testes práticos com uma amostragem das pessoas que terão acesso ao site, app, software ou qualquer outro produto digital que estiver sendo desenvolvido, inclusive com interação direta entre equipe de controle de qualidade e clientes. Caso contrário, é possível que o projeto não cumpra com o seu objetivo.

Agora que você conhece os principais erros na implementação de projetos digitais, ficou mais fácil supervisionar os desenvolvedores que trabalham para a sua empresa, não é mesmo?

Para ter acesso a mais conteúdos interessantes como esse, assine a nossa newsletter!

Avalie este post!

Comentários

comentários

Juliano da Monitora
Produtor de Conteúdo na Monitora