voce-conhece-o-elearning-corporativo.jpeg

Você conhece o e-learning corporativo?

A capacitação é um passo importante para manter a equipe à frente dos desafios do dia a dia. Mas alguns cursos encontrados no mercado não atendem a todas as realidades da rotina de cada empresa. Afinal, o que serve para um pode não servir para o outro.

Então, como garantir que o aprendizado dos colaboradores seja efetivamente focado nas demandas da empresa? As conhecidas Universidades Corporativas, baseadas em e-learning corporativo, surgiram para atender essa demanda de formação especializada.

A educação continuada, fornecida por uma empresa nas áreas de seu interesse, auxilia na criação de uma equipe preparada para as mudanças contínuas do mercado de qualquer setor.

Mas o que é o e-learning corporativo?

Vamos, primeiramente, falar sobre o que é o e-learning. Do inglês ,”eletronic learning” (aprendizado eletrônico), é um termo que significa um modelo de aprendizado totalmente digital.

O curso é disponibilizado em uma plataforma que será responsável por gerir o aprendizado, podendo ser acessado em qualquer lugar do mundo e a qualquer hora. Esse método de ensino é um das maiores revoluções da história da educação, pois permite que o conhecimento seja difundido para qualquer parte do mundo.

E a adição do termo corporativo? Bom, essa complementação vem da ideia de várias empresas de criarem seus próprios cursos, com base nas suas demandas e tecnologias, para garantir aos seus colaboradores uma atualização contínua.

Quais as principais aplicações do e-learning corporativo?

Já dissemos que esse conceito é utilizado para capacitar a equipe. De fato, esse é o ponto principal. No entanto, as suas aplicações são bastante diversificadas. Confira algumas:

Treinar novos colaboradores

Quando um novo funcionário é admitido na empresa, perde-se muito tempo com a sua ambientação. Na maioria das vezes, um colaborador mais antigo e experiente deve ser deslocado de suas funções para dar atenção ao novato.

Com uma plataforma de e-learning corporativo, e treinamentos bem estruturados, seu novo colaborador fará tudo sozinho. Basta um computador e algumas horas estudando. Outra grande vantagem do e-learning corporativo é evitar que novos funcionários sejam contaminados por possíveis vícios adquiridos por colaboradores mais antigos.

Atualizar seus colaboradores

Vamos supor que sua empresa obteve o licenciamento de um novo software, o que é ótimo para ajudar o negócio a crescer muito mais. Porém, um empecilho pode colocar sua operação em risco: como treinar todos os seus colaboradores na nova ferramenta?

Isso não pode ser feito durante o horário de trabalho, pois vai impactar a produtividade. Após o expediente, cada colaborador tem seus próprios compromissos, e reunir todos seria difícil. Uma plataforma de e-learning possibilita que todos possam participar de um treinamento, cada um no seu tempo e de acordo com suas possibilidades.

Ensinar seus clientes

Quem nunca teve problemas com o suporte de seus sistemas? Usuários dificilmente leem as orientações e o setor de suporte é algo oneroso para a maioria da empresas.

Uma vantagem incrível do e-learning corporativo é que sua empresa pode disponibilizar cursos para os seus clientes! Treinar seu usuário pode criar um relacionamento mais verdadeiro e confiável com o seu cliente.

Quais os benefícios?

Com o que foi explanado neste artigo até aqui, você já deve ter percebido algumas conclusões acerca dos benefícios do e-learning corporativo. Porém, pode ser que algum tenha lhe escapado. Veremos então alguns benefícios:

Estrutura

Com relação ao método tradicional de ensino corporativo, com professores em uma sala de aula — que ainda é muito utilizado nas empresas — o e-learning possui a vantagem de que o esforço de montar um curso é muito menos complexo e demanda menos investimentos. Apenas o fato de que contratar um professor não é necessário já leva a uma grande economia de recursos.

Cultura empresarial

Difundir valores, missão e visão é muito mais prático por meio de cursos originais desenvolvidos pela própria empresa. Os colaboradores terão manifestado um sentimento de pertencimento à empresa. Ao se sentir parte da equipe, os profissionais estarão muito mais satisfeitos e produtivos.

Resultados

O método tradicional de ensino traz algumas dificuldades no que diz respeito à métrica dos resultados. Ao se optar por uma plataforma de e-learning, é possível contar com funcionalidades que mostrarão o comportamento de seus colaboradores e suas dificuldades. Essa ferramenta pode auxiliar nas tomadas de decisão estratégica da empresa.

Competências

Desenvolver novas competências para seus colaboradores é uma maneira de deixar a equipe motivada. O funcionário vai se sentir valorizado ao não ter de buscar conhecimentos fora do ambiente organizacional, sendo bem servido de novas fontes de crescimento pessoal. Com isso, o investimento em sua equipe vai facilitar a retenção de talentos.

E como implantar?

Agora que você conferiu algumas ótimas vantagens do e-learning, é possível que você esteja convencido de que esse método é uma ótima opção para melhorar o desempenho da sua equipe.

A seguir, vamos mostrar para você alguns passos essenciais para a sua estratégia de implantação de um sistema de e-learning:

1. Estabeleça metas

O item mais importante no mundo corporativo, antes de qualquer tomada de decisão, é estabelecer quais são os seus objetivos. O sucesso depende das metas traçadas no começo da sua jornada. Dificilmente você alcançará seus objetivos se não planejá-los corretamente. Crie metas realistas que possam ser alcançadas. Tentar alçar vôos altos demais pode acabar dificultando a avaliação dos resultados.

2. Escolha uma plataforma

Após traçar as suas metas e conhecer as suas demandas, o próximo passo é escolher uma plataforma de e-learning que atenda às suas expectativas. Existem muitas no mercado, portanto contar com uma consultoria especializada pode ser uma boa ideia.

3. Defina conceitos

A busca por padrões de linguagem e audiovisuais têm impacto direto sobre a facilidade de aprendizagem do seu time. Criação de glossários, com definições, pode sempre ajudar. Os materiais escolhidos, as fontes e as formas de entregar o conhecimento devem fazer parte desse passo.

4. Conheça seu público

Ter conhecimento das necessidades e anseios de seu público-alvo vai facilitar na criação de conteúdo personalizado para as suas demandas.

Ao planejar um curso você deve realizar um levantamento de requisitos junto ao seu público para medir quais são suas expectativas na busca por atendê-las da melhor forma possível.

5. Mapeie seu curso

A divisão em módulos, o tempo para entrega de cada tarefa, correções e finalização do curso: tudo deve ser devidamente mapeado para que o aluno não se sinta perdido durante a formação e possa encaixar os afazeres do curso em sua rotina.

Depois dessa explicação, você ainda tem alguma dúvida sobre o e-learning? Isso é normal! Criar uma Universidade Corporativa é um trabalho monumental e as dúvidas farão parte de todo o processo.

Nos siga no Facebook e no LinkedIn para ficar por dentro de tudo sobre e-learning corporativo e outras tecnologias para otimizar a produtividade da sua empresa!

Avalie este post!

Comentários

comentários

Juliano da Monitora
Produtor de Conteúdo na Monitora